Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
PESQUISA

Divulgadas as notas dos projetos selecionados pelo Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica, Tecnológica e Inovação

Criado: Terça, 09 de Julho de 2019, 15h26 | Última atualização em Terça, 09 de Julho de 2019, 15h27

O objetivo é ampliar a transparência do processo e informar a classificação das propostas. Novas bolsas foram concedidas.

A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação do Instituto Federal de Goiás (IFG) divulga as notas dos projetos selecionados pelo Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica, Tecnológica e Inovação (PIBICTI). A publicação com a relação das propostas selecionadas e classificadas pela pontuação objetiva ampliar a transparência do processo de seleção e, ainda, informar a comunidade sobre a ordem de classificação dessas propostas.

Além das notas, o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação do IFG, Paulo Francinete Junior, destaca que em virtude de ajustes em relação a algumas bolsas que ficaram ociosas e de mais um montante de recursos que a área redistribuiu ao Programa, será possível ampliar o número de bolsas. “Com esses ajustes, conseguimos passar de 51 bolsas do IFG no valor de R$ 400,00 para um total de 101 bolsas desse mesmo valor. Desse modo, será possível contemplar com ao menos uma bolsa todos os professores/orientadores que tiveram seus projetos recomendados. Outro incremento se deu em relação às bolsas para o PIBIC-EM, em que não havia concessão de bolsas com recursos do IFG e agora teremos 11 bolsas para esse programa, todas destinadas ao PIBIC-EM na modalidade de Educação de Jovens e Adultos”, informa Paulo Francinete.

De acordo com ele, no ciclo 2019/2020 do PIBICTI, o IFG investirá em torno de R$ 380 mil em recursos próprios para pagamento das bolsas. “Com a redistribuição de mais um recurso que tínhamos aqui na Pró-Reitoria, destinando-o ao PIBICTI, será possível ampliar, ainda mais, o apoio aos projetos de iniciação científica contemplando com bolsa mais 43 projetos que estavam em lista de espera na modalidade PIBIC, 5 projetos na modalidade PIBITI e 2 projetos na modalidade PIBIC-AF”, ressalta o pró-reitor.


Bolsas ofertadas

Foram ofertadas, pela primeira vez, bolsas destinadas aos alunos dos cursos técnicos integrados ao Ensino Médio pela Educação de Jovens e Adultos (EJA). Além das bolsas com recursos do IFG, também foram disponibilizadas bolsas provenientes do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

As modalidades que constam desta seleção são: Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC); Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica nas Ações Afirmativas (PIBIC-Af); Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PIBITI); Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica no Ensino Médio (PIBIC-EM); e Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica no Ensino Médio - EJA (PIBIC-EM/EJA).

As bolsas serão concedidas de acordo com a disponibilidade de recursos do CNPq e do IFG e terão vigência de doze meses, contada a partir do mês de agosto de 2019. O valor da remuneração é fixado anualmente pelo CNPq. As bolsas PIBIC, PIBIC-Af e PIBITI terão o valor de 400 reais mensais e as bolsas PIBIC-EM e PIBIC-EM/EJA, 100 reais mensais.

 

Diretoria de Comunicação Social/Reitoria.

Fim do conteúdo da página