Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeites

Opções de acessibilidade

Busca
Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Formatura

Câmpus Goiânia celebra colação de grau e a entrega dos diplomas durante a cerimônia

Criado: Segunda, 17 de Julho de 2017, 08h20 | Última atualização em Segunda, 17 de Julho de 2017, 15h58

Um ato inédito na colação de grau do Câmpus Goiânia, todos os 91 formandos receberam seus diplomas durante a solenidade

Formandos exibem diplomas recebidos durante a cerimônia de colação de grau.
Formandos exibem diplomas recebidos durante a cerimônia de colação de grau.

Na noite da última sexta-feira, 14, o Instituto Federal de Goiás (IFG) - Câmpus Goiânia celebrou a colação de grau de 91 formandos dos cursos superiores, durante formatura realizada no Centro de Eventos da Universidade Federal de Goiás (UFG). A cerimônia marcou também a primeira vez que a Instituição entrega os diplomas para formandos do Câmpus Goiânia no ato da solenidade de colação de grau oficial.

Para o reitor em exercício, professor Adelino Candido Pimenta, a entrega dos diplomas aos formandos do Câmpus Goiânia no ato da colação de grau representa um marco para Instituição.

 

O reitor em exercício, professor Adelino Candido Pimenta, que representou o reitor Jerônimo Rodrigues na cerimônia, destacou que a entrega dos diplomas durante a colação de grau sempre foi um desejo da atual gestão. “Para mim, particularmente, foi uma alegria enorme, porque, quando nós assumimos em 2013 a Pró-Reitoria de Ensino, meu sonho era que a gente entregasse no ato da solenidade o diploma de cada um. Então, é um marco expressivo, significa um avanço muito grande para Instituição, pois desburocratiza, suaviza a ansiedade dos formandos, que, às vezes, ficavam 30 a 60 dias esperando o diploma, e agora já saem daqui com o diploma na mão”.

Além do reitor em exercício Adelino Candido Pimenta, participaram da mesa diretiva da solenidade o diretor-geral em exercício do Câmpus Goiânia, Marcos Antônio Cardoso de Lima; a chefe do departamento de áreas acadêmicas 1, professora Fabiane Costa Oliveira; o chefe de departamento de áreas acadêmicas 2, professor Edson Roberto Rodrigues Sales; o chefe de departamento de áreas acadêmicas 3, professor Fábio Campos Macedo; o chefe de departamento de áreas acadêmicas 4, professor Hipólito Barbosa Machado Filho; e a coordenadora de registros acadêmicos e escolares, Shirley Mar Pereira Virote.

Mesa diretiva da colação de grau 2017.1 do Câmpus Goiânia

Recém-graduados

O juramento foi lido pela formanda Paloma Leal Frazão.

Receberam seus diplomas os formandos dos cursos superiores em Engenharia de Controle e Automação, Engenharia Mecânica, Sistemas de Informação, Bacharelado em Turismo e as Licenciaturas em História, Música e Matemática. Dos cursos superiores de tecnologia, graduaram-se as turmas de Agrimensura, Construção de Edifícios, Construção de Vias Terrestres, Estradas, Geoprocessamento, Gestão de Turismo, Hotelaria, Planejamento Turístico, Redes de Comunicação, Redes de Telecomunicações, Saneamento Ambiental e Transporte Terrestre.

Receberam a outorga de grau os formandos Patrícia Neves e Ronaldo de Andrade.

Em nome das turmas, proferiu o juramento a formanda do curso de Geoprocessamento, Paloma Leal Frazão. Receberam a outorga de grau, os formandos Patrícia Freitas Costa Neves, do curso de Engenharia de Controle e Automação, e Ronaldo Dias de Andrade, de Transporte Terrestre. O discurso foi realizado pela oradora das turmas, Marília Magalhães Gomes, formanda do curso de Engenharia Mecânica.

Durante a cerimônia, houve momentos especiais com entrega do diploma à servidora Magda Campos Barbosa, formanda do curso de Licenciatura em Matemática, que foi entregue pelo chefe do departamento 4, Hipólito Barbosa. E mais a entrega do diploma ao formando Carlos Magno, que recebeu o certificado das mãos de seu tio e diretor-geral do Câmpus Goiânia, Alexandre da Silva Duarte.

 

Expectativas

A oradora das turmas foi a formanda Marília Magalhães.

Na formatura, as expectativas dos 91 formandos somam-se às alegrias e desejos de familiares. Entre esses, estava a formanda Marília Magalhães Gomes, acompanhada pela mãe, Maria Tereza Magalhães, e o amigo Fernando Gonçalves. Para Marília, a sensação é de dever cumprido, com término de uma etapa para começar uma nova em sua vida. Ela, que teve a oportunidade de participar de intercâmbio por meio do programa Ciência sem Fronteiras, avaliou como muito proveitoso o ensino que recebeu no IFG. Segundo Marília, a intenção é focar, arregaçar as mangas, adquirir experiências e encarar as oportunidades acadêmicas e do mercado de trabalho.

Para a mãe de Marília, o coração era só alegria. “Pra mim também é a sensação de dever cumprido, com todas as expectativas e sonhos que eu tive e que depositei nela. Hoje ela está correspondendo e eu estou colhendo todo sucesso que eu lancei, profetizei sobre a vida dela”, disse Maria Tereza Magalhães.

Acompanhada por familiares estava a formanda da licenciatura em Música, Luziene Ferreira de Souza. Ela, que é graduada em Gestão de Recursos Humanos, vibrou muito com o diploma de Licenciatura em Música conquistado. “Eu já sou professora de música e me apaixonei mais ainda. Minha intenção é ser professora do ensino superior e lá no Instituto mesmo”, vislumbra Luziene.

Também em sua segunda graduação, colou grau a servidora do Câmpus Goiânia Magda Campos Barbosa. Ela é bacharel em direito, mas disse que sempre gostou mesmo é de matemática e realizou o seu sonho de se licenciar na área. O desejo daqui em diante é se tornar professora de Matemática, revela Magda.

“Me sinto como nascido fora do tempo”, confessou o formando em Redes de Telecomunicações, Edson Honório Carlos. Aos 49 anos, ele recorda que recentemente participou da colação de grau de seu filho mais velho, e agora foi a vez dele, que obtém seu primeiro diploma de ensino superior. A intenção de Edson é continuar estudando e fazer uma especialização.

Outro formando que pretende seguir com os estudos é Vicente Vogado Neto, que graduou-se em Hotelaria. Ele já possui MBA em Finanças e almeja se qualificar ainda mais ingressando no mestrado em Economia oferecido pela UFG. Professoras e amantes da área de licenciatura em História, colaram grau as formandas Jessyka Priscilla e Silvia Duarte. Elas, que já lecionam na área, saíram em defesa da profissão de docente.“ É muito gratificante trabalhar na área, não no sentido de remuneração, porque eu acho que a profissão de professor deveria ser mais respeitada e valorizada”.

 Veja mais fotos da colação de grau na página do IFG - Câmpus Goiânia no Facebook

Coordenação de Comunicação Social do Câmpus Goiânia.

Fim do conteúdo da página