Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Oficina

Oficina de “Mandalaterapia” é realizada no Câmpus Itumbiara

Criado: Sexta, 27 de Setembro de 2019, 10h25 | Última atualização em Terça, 22 de Outubro de 2019, 07h45

Técnica é utilizada como terapia e instrumento de cura emocional também

Algumas das peças da artesã Mara Oliveira
Algumas das peças da artesã Mara Oliveira

 

Você já buscou a cura para uma doença por meio das cores (cromoterapia) ou procurou se acalmar ou melhorar a concentração por meio da pintura? Pois saiba que isso é plenamente possível. Prova disso foi a oficina de “Mandalaterapia” realizada no IFG Câmpus Itumbiara nesta quinta-feira, 26. A atividade foi orientada pela artesã itumbiarense, Mara Oliveira.

Mara conta que começou a desenhar mandala há cerca de dois anos quando enfrentou um câncer, e buscou na técnica uma forma de modificar o “estilo de vida” desacelerando o ritmo do dia a dia. Além de ser objeto decorativo, a artesã explica que a mandala é ligada ao espiritualismo e é utilizada para meditação, autoconhecimento, autocura, contemplação e aumento da concentração. Ela também pode ser associada à numerologia, geometria e cromoterapia (método que busca o equilíbrio e harmonia do corpo e da mente por meio das cores).

A artesã ensina que ao desenhar uma mandala é preciso se concentrar na intenção que você põe no objeto, ou seja, o que se pretende a partir da mandala, se a cura, o equilíbrio, a calma, a concentração, sensação de bem-estar etc. “A mandala, ela é muito benéfica a nós quando a gente se propõe a fazer com alguma intenção”, explica Mara.

Durante a oficina as participantes foram estimuladas a desenhar suas próprias mandalas em uma folha de papel, com liberdade para uso das cores e formas geométricas que mais a agradavam. Quem esteve na aula gostou do que aprendeu e relatou ter relembrando memórias da infância ou de ter sentido mais calma e tranquilidade enquanto pintava.

 

Setembro Amarelo

A proposição da oficina é parte da programação do Setembro Amarelo que acontece no Câmpus e se encerra no próximo dia 1º de outubro, terça-feira, com uma aula de dança às 13h. Os interessados devem procurar as professores Juliana Moraes ou Luciene  Oliveira.

 

Profa. Juliana exibe seu desenho realizado durante a oficina
Profa. Juliana exibe seu desenho realizado durante a oficina

 

 

Setor de Comunicação Social e Eventos – Câmpus Itumbiara.

Fim do conteúdo da página