Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeites

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
CPA

Primeira reunião técnica da nova gestão da CPA é realizada no IFG

Criado: Segunda, 02 de Outubro de 2017, 16h14 | Última atualização em Sexta, 20 de Outubro de 2017, 08h37

Apresentação da finalidade e de estratégias de ação da Comissão foi um dos objetivos deste primeiro encontro

Membros da CPA realizam primeira reunião técnica da nova gestão
Membros da CPA realizam primeira reunião técnica da nova gestão

Foi realizada na tarde desta sexta-feira, 29, na Reitoria do Instituto Federal de Goiás (IFG), a primeira reunião técnica da atual gestão da Comissão Própria de Avaliação (CPA) da Instituição. Participaram do encontro membros das subcomissões locais de avaliação dos câmpus do IFG, além de representantes das CPAs da Universidade Federal de Goiás (UFG) e do Instituto Federal Goiano (IF Goiano). A reunião foi conduzida pela presidente da CPA, Jakeline Cerqueira de Morais, e pela secretária administrativa da Comissão, Danielle Fernanda Morais Pavan, ambas servidoras da Reitoria do IFG.

Participaram da reunião servidores membros das subcomissões da CPA dos câmpus Aparecida de Goiânia, Cidade de Goiás, Formosa, Goiânia Oeste, Inhumas, Itumbiara, Jataí, Luziânia, Senador Canedo e Valparaíso. Transmitida via webconferência, a primeira reunião da atual gestão foi acompanhada também por servidores dos câmpus Águas Lindas e Formosa, que puderam interagir com os membros presentes na Reitoria. Da comunidade externa, participaram os membros da CPA da Universidade Federal de Goiás, Regina Beatriz Lupi Bevilacqua, e do Instituto Federal Goiano, Antoniel Aniceto de Oliveira.

 

Papel da CPA

Na primeira parte da reunião, foi apresentado o papel da autoavaliação institucional na regulação da educação superior e a importância da CPA nesse contexto. Jakeline Cerqueira deu início ao encontro falando a respeito da necessidade de que os novos membros possam constituir uma boa comissão e chamou atenção de todos para o conhecimento de instrumentos legais, como a Lei do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), que tem como objetivo assegurar o processo nacional de avaliação das instituições de educação superior, entre outras questões. Além desse instrumento legal, Jakeline ressaltou a importância do regulamento da CPA e de outras ferramentas jurídicas relacionadas ao âmbito de atuação da Comissão.

Com a aproximação de novas avaliações de recredenciamento institucional e de reconhecimento de cursos no IFG e tendo como referência que a própria CPA da Instituição passa pelo crivo do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) nessas avaliações, Danielle Pavan, secretária administrativa da Comissão, falou da importância das avaliações e da necessidade de que estas sejam feitas de modo sistemático, para que seja possível apontar caminhos para melhorar ainda mais a educação no âmbito da Instituição. Segundo a servidora, “as avaliações devem ser sistemáticas. E sua importância é crucial, porque, além de serem essenciais para as questões relacionadas ao recredenciamento institucional e ao reconhecimento de cursos superiores, as avaliações realizadas podem apontar demandas institucionais importantes que podem ser levadas à gestão para futuras resoluções”.

Regina Bevilacqua falou sobre a CPA no âmbito da UFGRegina Bevilacqua falou sobre a CPA no âmbito da UFG

 

Regina Bevilacqua, representante da CPA da UFG, falando um pouco da atuação da comissão no âmbito da universidade, chamou atenção para a necessidade de mobilizar a comunidade acadêmica, acompanhar e apontar problemas da gestão. Regina aproveitou para salientar que o trabalho da Comissão tem um papel que vai um pouco além da esfera pedagógica, isso porque, para ela, “a CPA possui também um papel andragógico, na medida em que trabalha a orientação e a educação dos adultos, principalmente porque se busca um acompanhamento com vistas à orientação, à sensibilização, à formação e à educação desse público adulto também”.

Ao final da reunião os membros presentes fizeram um relato de suas experiências com as avaliações do INEP. Antoniel de Oliveira, membro da CPA do IF Goiano, compartilhou um pouco das experiências de avaliações realizadas no âmbito daquela instituição e deu algumas sugestões para os servidores do IFG presentes na reunião, sobretudo para aqueles que em breve passarão por visitas dos membros do INEP, nas avaliações de reconhecimento de cursos superiores da Instituição.

 

Encaminhamentos futuros

Entre os encaminhamentos sugeridos nessa primeira reunião está a ideia de rever alguns pontos do regulamento da CPA. Além disso, uma questão essencial, segundo os participantes da reunião, diz respeito à necessidade de mobilizar a comunidade acadêmica para que haja um esclarecimento ainda maior acerca do papel da CPA e de suas subcomissões nos câmpus da Instituição. Nesse sentido, os presentes chamaram a atenção para a proposição de um seminário institucional, a fim de mostrar o resultado das próximas avaliações.

De acordo com os membros da CPA, há um consenso no que diz respeito a mostrar para a comunidade acadêmica a importância das avaliações e das comissões e subcomissões de avaliação da Instituição. Para isso, como pontuou a professora Darlene Ana Paula Vieira, existe a necessidade de se criar na comunidade acadêmica um sentimento de pertencimento: "Este precisa ser fomentado pela sensibilização e divulgação da importância da Comissão, uma vez que esta é uma ferramenta essencial para o crescimento da Instituição”.

 

Sobre a CPA

Formada por representantes dos três segmentos da comunidade acadêmica e encarregada de promover e coordenar a autoavaliação institucional, a CPA tem atuação autônoma em relação aos Conselhos e demais órgãos colegiados existentes na Instituição.

Alguns dos membros da atual gestão da CPA do IFGAlguns dos membros da atual gestão da CPA do IFG

 

Responsável por efetivar a constituição das subcomissões de autoavaliação dos câmpus do IFG, a CPA é regida por regulamento próprio e tem como principais atribuições definir os instrumentos para a autoavaliação institucional, planejar e elaborar o Relatório de Autoavaliação Institucional. Além disso, a Comissão é encarregada de sistematizar e apresentar informações solicitadas pelo INEP em suas avaliações institucionais.

 

Saiba mais sobre a CPA.

 

 

Diretoria de Comunicação Social / Reitoria.

Fim do conteúdo da página