Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeites

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Pós-Graduação

A ética na pesquisa é tema do evento que inicia as atividades da Pós-Graduação

Criado: Segunda, 07 de Agosto de 2017, 15h30 | Última atualização em Quarta, 27 de Setembro de 2017, 07h30

O Programa de Pós-Graduação em Educação para Ciências e Matemática (PPGECM) do IFG-Câmpus Jataí realizou, na sexta-feira (04), a aula inaugural da turma de 2017. O evento ocorreu no auditório da Unidade Riachuelo, a partir das 19h, e contou com a participação, além de alunos, egressos e docentes do PPGECM, de professores, servidores e alunos do IFG e, também, da comunidade externa.
Sob o título A ética na pesquisa científica: dos aspectos legais à submissão ao Comitê de Ética, a palestra da aula inaugural foi ministrada por Tattiana Fernandes de Oliveira Melo, doutoranda do Programa de Doutoramento em Educação da Universidade de Santiago de Compostela, na Espanha, e egressa do PPGECM. Ao longo de sua explanação, a pesquisadora apresentou os aspectos legais que envolvem a pesquisa científica no que tange à ética e esclareceu aspectos práticos e procedimentos padrões relativos à submissão ao Comitê de Ética.
Tattiana Fernandes de Oliveira Melo falou sobre a importância de fazer repercutir a questão da ética na pós-graduação, destacando como necessária ao ingressante a reflexão sobre a temática debatida, uma vez que desenvolver uma pesquisa acadêmica dentro dos padrões éticos é parte integrante do rigor de qualquer pesquisa científica. “Refletir sobre a questão da ética na pesquisa se faz importante não apenas por se tratar de um procedimento burocrático, estabelecido por norma jurídica, a ser seguido. O/a pesquisador/a deve ter conhecimento das questões inerentes ao tema para desenvolver um trabalho que, acima de tudo, preze pelo respeito à dignidade humana e pela proteção devida aos participantes das pesquisas científicas envolvendo seres humanos”, pontuou a pesquisadora.

Fim do conteúdo da página