Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeites

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Ciência

Alunos do Câmpus realizam teste de lançamento de foguete feito de garrafa PET

Criado: Quinta, 18 de Maio de 2017, 20h28 | Última atualização em Segunda, 05 de Junho de 2017, 18h31

O trabalho realizado é um PIBIC-EM e é desenvolvido por estudantes do curso técnico integrado em Mecânica

Nessa quarta-feira, 17, foi realizado o primeiro teste de lançamento de protótipo de foguete construído por equipe do Câmpus Valparaíso do Instituto Federal de Goiás (IFG). O projeto “Estudo e Construção de Foguetes de Baixo Custo Utilizando Transformação de Energia entre Domínios Físicos” foi iniciado no ano passado, sendo orientado pelo professor de Mecânica Rodrigo Camargo. Entre os materiais utilizados na construção do foguete, está a garrafa PET e, para o lançamento, é necessário arquitetar uma base, que é feita de tubo de PVC.

 

“Deu tudo certo. Fizemos alguns reajustes, o que é normal para o primeiro lançamento”

O professor explica que o projeto tem um custo baixo (cerca de 300 reais), e que depois de montada a base, é possível realizar quantos lançamentos for necessário. Sobre o primeiro teste realizado, Rodrigo esclarece: “Deu tudo certo. Fizemos alguns reajustes, o que é normal para o primeiro lançamento”.

 

“Estudo e Construção de Foguetes de Baixo Custo Utilizando Transformação de Energia entre Domínios Físicos” é um Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica para o Ensino Médio (PIBIC-EM). Três alunos do curso técnico integrado em Mecânica integram o projeto: Vinícius Lopo, Moises de Oliveira e Thiago Nathan. O trabalho realizado se encontra em fase final, com previsão de finalização para o meio deste ano. Ainda serão feitos vários lançamentos, para determinar os parâmetros que o foguete desenvolvido consegue atingir( serão medidas alturas e distâncias que o protótipo consegue alcançar).

 

O professor conta que um dos objetivos do projeto é ensinar na prática diversos conceitos aprendidos em sala de aula, entre os conteúdos de física que foram explorados com a ação, esta a pressão e o lançamento balístico, além do conhecimento adquirido no manuseio de ferramentas disponíveis nos laboratórios. “É tentar mostrar aos alunos de forma prática, o que eles aprenderam em aula”. Rodrigo ainda explica a importância dos foguetes de garrafas PET em diversos setores e áreas, como na biologia e na geografia, que utiliza estes foguetes para dispersão de sementes.

 


Quer saber mais sobre os projetos desenvolvidos pelo IFG- Câmpus Valparaíso? Acesse: www.ifg.edu.br/valparaiso/campus/pesquisa/projetos-e-programas

 


Coordenação de Comunicação Social/Câmpus Valparaíso

 

 

 

 

Fim do conteúdo da página