Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
OBMEP

Filme é selecionado para a 6ª Olimpíada de Língua Portuguesa

Criado: Quinta, 05 de Setembro de 2019, 12h58 | Última atualização em Quinta, 03 de Outubro de 2019, 14h30

Documentário produzido por estudantes e professores do Câmpus Formosa chega à estapa estadual

O documentário em curta-metragem “O que me contam os ipês”, resultado do projeto de ensino “Caminhos da escrita”, realizado pela área de Línguas do Instituto Federal de Goiás – Câmpus Formosa, foi selecionado para a etapa estadual da 6ª Olimpíada de Língua Portuguesa. A obra foi realizada pelas alunas Beatriz Alves Moraes, Júlia Álvares de Castro e Letícia Martins Vieira, sob a coordenação da professora doutoranda Gláucia Mendes e do professor doutor Lemuel Gandara. Antes de chegar à etapa estadual, o trabalho foi julgado pela comissão escolar e pela comissão municipal.

O filme faz uma reflexão sobre o município de Formosa, fundado em 1843, a partir do confronto entre visões de seus antigos moradores (caso de Agamenon José da Silva Barros, também aluno do IFG) e da nova geração com foco na cidade idealizada por pintores, fotógrafos e poetas. No jogo de antíteses do curta, também se destacam questões vinculadas ao desmatamento do bioma cerrado e como isso influencia na memória tanto dos velhos quanto dos moços, conforme a poetisa goiana Cora Coralina escreve em Meu livro de cordel, um dos livros que inspirou a obra.

É relevante destacar que o filme também faz parte da produção científica dos professores coordenadores. Mendes orienta projetos de pesquisa no âmbito da literatura de Cordel produzida em Formosa e segue com essa premissa em seu doutorado. Gandara é artista visual e cineasta, além de orientar projetos vinculados ao cinema literário brasileiro no IFG. Ademais, o curta registra importantes parcerias culturais com a Fundação Museu Couros de Formosa (que gentilmente cedeu imagens de seu acervo) e com o Restaurante Don Fernando (locação para as entrevistas). Na etapa estadual o documentário será analisado por uma nova comissão, que elegerá os melhores trabalhos do estado de Goiás para seguir para a etapa semifinal das Olimpíadas de Língua Portuguesa 2019. 

 

Texto: Profª Glaúcia Mendes.

 

Fim do conteúdo da página