• Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Página Inicial

Gestão

Imprimir

Conif discute estratégias para o futuro da educação na América Latina

A Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica está representada na reunião da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, que discute o futuro da educação da América Latina e do Caribe. Organizado pelo governo argentino e pela Unesco, o encontro de alto nível que ocorre desde ontem, 24, e termina hoje, em Buenos Aires (Argentina), com a participação de ministros da Educação, gestores e especialistas dos países envolvidos.

O presidente do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), Marcelo Bender Machado; o vice-presidente, Jerônimo Rodrigues da Silva, e o representante da Câmara de Relações Internacionais do Conif, Jefferson Manhães, participam da construção de estratégias e programas para a implementação do objetivo número quatro da Agenda 2030: “garantir uma educação de qualidade, inclusiva e equitativa e promover oportunidades de aprendizagem permanente”.


Novo ciclo

De 2000 a 2015, a América Latina e o Caribe viveram um importante progresso educacional. Melhoraram as taxas de alfabetização, aumentaram o acesso e os índices de conclusão da educação básica e do ensino médio, alcançaram um melhor resultado de aprendizagem e expandiram a educação superior. Entretanto, ainda existem preocupações. “A América Latina e o Caribe enfrentam o desafio de comprovar a capacidade intelectual que possuem, por isso precisamos de políticas estratégicas assertivas. É muito importante que a Rede Federal participe desse processo”, observa o presidente do Conif.

Ao fim da reunião “E2030: Educação e Habilidades para o Século 21", será adotada uma declaração ministerial das iniciativas previstas. A Agenda 2030 é um desdobramento do Fórum Mundial sobre a Educação, realizado em novembro de 2015.

Assessoria de Comunicação/Conif