Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeites

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial > Servidor > IFG > Últimas notícias > Seminário proporciona trocas de experiências entre participantes do PIBID
Início do conteúdo da página
Ensino

Seminário proporciona trocas de experiências entre participantes do PIBID

O evento reuniu estudantes de licenciaturas e professores de nove câmpus do IFG que participam do PIBID

O Seminário Institucional de Iniciação à Docência ocorre nos dias 14 e 15 de dezembro, no Teatro do IFG - Câmpus Goiânia.

Os relatos das experiências de iniciação à docência proporcionadas na execução de 14 subprojetos vinculados ao Programa de Iniciação à Docência (PIBID) no IFG, entre os anos de 2014 e 2017, serão compartilhados durante o Seminário e, posteriormente, irão compor um e-book, que será lançado em 2018, comenta o coordenador institucional do PIBID/IFG, professor Glen Cézar Lemos.

 

Estudantes dos cursos de licenciatura de nove câmpus do Instituto Federal de Goiás (IFG), juntamente aos professores que atuam no Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID/IFG), participaram do Seminário Institucional de Iniciação à Docência, que ocorreu  quinta e sexta-feiras, 14 e 15, no Teatro do Câmpus Goiânia. O evento começou na tarde de quinta, 14, com a palestra de tema: Política Pública e PIBID: configuração da questão de formação de professores na atualidade, ministrada pelo coordenador regional do PIBID na região Centro-Oeste e professor da Universidade Estadual de Goiás (UEG), João Roberto Ferreira.

Na palestra de abertura, o professor João Roberto Ferreira explanou sobre a formação de professores e o atual cenário do PIBID. Participaram da mesa de abertura do evento o reitor substituto do IFG, professor Adelino Candido Pimenta, a pró-reitora de Ensino do IFG, professora Oneida Cristina Gomes Barcelos Irigon, a diretora-geral do Câmpus Goiânia, professora Maria de Lourdes Magalhães e o coordenador institucional do PIBID no IFG, professor Glen Cézar Lemos.

O Seminário Institucional de Iniciação à Docência reuniu cerca de 250 participantes, entre estudantes de licenciaturas de nove câmpus, docentes do IFG que integram o PIBID e professores da educação básica das escolas públicas parceiras do programa. O PIBID tem por objetivo incentivar o aperfeiçoamento e a valorização da formação de professores da educação básica, possibilitando aos licenciandos do IFG a iniciação à docência em escolas públicas da educação básica.

Para o coordenador institucional do PIBID, professor Glen, o programa contribui com os futuros docentes: “Acima de tudo, é um suporte para os estágios, para metodologias de ensino e para colocar o futuro professor num ambiente de pesquisa. Os nossos alunos de licenciaturas atuam na educação básica levando atividades, jogos e experiências novas. De certa maneira, o programa tem uma atuação muito forte na escola pública de educação básica também, não só na formação docente de nossos licenciandos”.

O professor Glen explica que atualmente o PIBID no IFG é articulado por meio de 14 subprojetos, que reúnem professores que estão na coordenação das atividades de iniciação à docência em seus cursos e mais estudantes das licenciaturas ofertadas nos Câmpus Formosa (Biologia e Ciências Sociais), Anápolis (Ciências Sociais, Química), Aparecida de Goiânia (Dança), Goiânia (Física, História, Matemática, Música), Jataí (Física), Inhumas (Química), Itumbiara (Química), Luziânia (Química) e Uruaçu (Química). Além disso, o programa conta com o apoio de docentes das escolas públicas da educação básica parceiras do PIBID/IFG, os quais atuam como supervisores dos licenciandos.


Experiências na docência 

Para a aluna Rosana Fraga, que cursa o sexto período da Licenciatura em Ciências Sociais no Câmpus Formosa, a realização do Seminário de Iniciação à Docência é muito importante, porque proporciona o contato com outros estudantes que também estão experimentando aprendizagens diversas no PIBID . “O programa incentiva o aluno que ainda não é professor a ter uma vida acadêmica e também docente. O contato que a gente tem com os alunos, com os professores, com os diretores e demais funcionários da escola, isso, pra gente que está em formação é muito importante. A gente passa a experimentar não só a docência em si, mas todas as relações que existem no ambiente escolar ”.

Estudante Rosana Fraga, do curso de Licenciatura em Ciências Sociais do Câmpus Formosa. 

Segundo a estudante de Licenciatura em Física no Câmpus Jataí, Lara Calixta, o PIBID é uma experiência única. “O programa serve para saber se o aluno que seguir a carreira docente mesmo e ir já se atualizando”. A realização do Seminário Institucional de Iniciação à Docência conta com recursos da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), que financia as bolsas de iniciação à docência para os estudantes das licenciaturas no IFG que participam do programa. A programação do Seminário segue até esta sexta-feira, 15, no Teatro do IFG – Câmpus Goiânia.

 

Estudante Lara Calixta, do curso de licenciatura em Física, no Câmpus Jataí.


Coordenação de Comunicação Social do Câmpus Goiânia.

Notícias (Servidor)

Fim do conteúdo da página