Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeites

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial > Servidor > IFG > Últimas notícias > Pesquisadoras do Reino Unido participam de reunião sobre projeto em parceria com o IFG e com apoio do British Council e Fapeg
Início do conteúdo da página
Internacionalização

Pesquisadoras do Reino Unido participam de reunião sobre projeto em parceria com o IFG e com apoio do British Council e Fapeg

Dois professores do IFG integram o projeto que visa contribuir para o desenvolvimento rural sustentável

O reitor do Instituto Federal de Goiás (IFG), professor Jerônimo Rodrigues da Silva, recebeu na manhã desta segunda-feira, 7 de maio, as pesquisadoras da University College London (UK), Luiza C. Campos, egressa da antiga Escola Técnica Federal de Goiás e uma das coordenadoras do projeto, e Rokiah Yaman, que integram projeto de pesquisa em parceria com o IFG. O projeto é intitulado “Apoio à agricultura orgânica em comunidades rurais através de sistema integrado resíduos-água-energia-alimento (WWEFood Nexus)”. 

Os pesquisadores do IFG que estão no projeto, Joachim Werner Zang e Warde Antonieta da Fonseca – que também é coordenadora do projeto, ambos do Câmpus Goiânia, e a coordenadora de Relações Internacionais, Suelene Vaz, também participaram da reunião. O projeto está previsto para ser desenvolvido em 24 meses, foi iniciado no mês passado com conclusão estimada para março de 2020 e possui como título no inglês “Supporting organic farming in rural communities trought the water-waste-energy-food Nexus – WWE Food Nexus”.
O aporte financeiro ao projeto é do Institutional Links no âmbito do Programa Newton Fund, com recursos financiados pelo UK Departament of Business, Energy and Industrial Strategy (BEIS) e pela Fapeg (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás) e gerenciado pelo British Council.
O objetivo geral do projeto é contribuir para o desenvolvimento rural sustentável e saneamento do Brasil, por meio da introdução de tecnologias sustentáveis para reuso de água e recuperação de energia e nutrientes a partir de resíduos. O aumento da capacidade técnica dos pequenos agricultores, principalmente mulheres e jovens, em aspectos de uso de tecnologias sustentáveis e desenvolvimento socioeconômico também é um dos objetivos do projeto. A pesquisa apresenta um modelo de sistema integrado de resíduos-água-energia-alimento (WWEF) para proporcionar o desenvolvimento rural em consonância com a Lei nº 10.831, de 23 de dezembro de 2003.

 

Diretoria de Comunicação Social/Reitoria.

Notícias (Servidor)

Fim do conteúdo da página