Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Novembro negro

Eventos marcam o mês da consciência negra no IFG

Além da campanha de comunicação em andamento, várias atividades serão realizadas pelas CPPIR locais e pelos Neabis

  • Criado: Quinta, 18 de Novembro de 2021, 18h54
  • Última atualização em Domingo, 28 de Novembro de 2021, 17h04
Novembro Negro no IFG tem eventos e ações diversas
Novembro Negro no IFG tem eventos e ações diversas

O Instituto Federal de Goiás (IFG) intensifica neste mês de novembro suas reflexões e ações de combate às desigualdades raciais e ao racismo. Em uma iniciativa da Diretoria de Comunicação Social (Dicom), em parceria com a Comissão Permanente de Políticas de Promoção da Igualdade Étnico-Racial (CPPIR), está em andamento a campanha de comunicação "Novembro Negro". Além dela, vários eventos e ações serão promovidos pelas CPPIR locais e pelos Núcleos de Estudos de Afro-Brasileiros e Indígenas (Neabis).

Aparecida de Goiânia

Os eventos começaram na tarde desta quinta-feira, 18. No Câmpus de Aparecida de Goiânia, a CPPIR local promoveu a roda de conversa “As vivências com as questões raciais no âmbito estudantil e acadêmico que perpassam pela consciência do (ser) negre”, com estudantes do IFG compartilhando suas experiências sobre a identidade negra, mobilização em coletivos e pesquisas sobre questões étnico-raciais.

A partir das 19 horas, será proferida, pelo professor Wellington Cardoso de Oliveira, a palestra “O Dia da Consciência Negra e os Desdobramentos da Luta Antirracista no Brasil”. O evento é organizado pela CPPIR local em parceria com o canal do youtube “Conteúdo Bilíngue”. O objetivo é que o debate racial chegue a toda comunidade do IFG, além de gerar conteúdos acessíveis em libras sobre a temática. O evento será on-line, pelo canal “Conteúdo Bilíngue”, link: https://www.youtube.com/watch?v=PVu_6fp1bFM&ab_channel=Conte%C3%BAdoBil%C3%ADngue

Anápolis

No Câmpus Anápolis, será realizada a palestra “Desafios da população negra e LGBTQIA+ no sistema educacional”. A convidada é Ludymilla Santiago, publicitária e militante do movimento LGBT. O mediador será o professor Neville Julio de Vilasboas e Santos. A palestra será realizada na próxima segunda-feira, 22, às 19h30, com transmissão pleo canal do NAPNE IFG no Youtube, link: https://www.youtube.com/channel/UCzYSEXsd9JDZuOyMUihjSuw

Cidade de Goiás

No Câmpus Cidade de Goiás, a comunidade acadêmica está sendo chamada a produzir stories (até 15 segundos) e/ou reels (até um minuto) no Facebook ou Instagram: a compartilhar uma foto e/ou depoimento, marcando o Neabi Nuances (@neabinuances). Os depoimentos também podem ser enviados pelo Wattsapp. A proposta é de que ação nas redes ocorra nesta sexta-feira, 19. A partir das publicações, será constituído um acervo histórico.

Inhumas

A CPPIR do Campus Inhumas vai realizar a oficina "Jongo: História e Resistência", com Ronaldo Oliveira, que é líder do grupo de Jongo Malungos de Angola. A oficina será no dia 23 de novembro, às 17 horas e as inscrições devem ser feitas pelo formulário: https://forms.gle/MwjnqrA6HDVmeWJv9

Jataí

No Câmpus Jataí, a programação também teve início nesta quinta-feira, com a realização de duas oficinas “Consciência Negra através das histórias em quadrinhos”, ministrada por Marcos Antônio; e “Percursão em casa - Frases e ritmos brasileiros”, ministrada pelo professor Abílio Carrascal, do Câmpus Águas Lindas.

A abertura oficial da XII Consciência Negra que em 2021, que tem como tema “R(e)existências de corpos e saberes”, será realizada à noite, seguida da roda de conversa que dá nome ao evento, com as professoras Edimaci Teixeira Barbosa Leite, Luciana Aparecida Elias (UFJ) e Rita Rodrigues de Souza (IFG).

Nesta sexta, às 8h, ocorrerá mais uma roda de conversa com os professores Amélia Vitória de Souza Conrado (UFBA) e Kemuel Kesley Ferreira dos Santos (IFG). No período vespertino a oficina “Introdução à técnica de aquarela”, ministrada pela artista plástica Aliane Maia. à noite, o professor Kemuel Kesley ministra a oficina “Musicalização através de jogos musicais e ritmos afro-brasileiros”.

A semana Consciência Negra do Câmpus Jataí encerra-se no sábado com a roda de conversa “Compartilhando histórias de R(e)existências, que contará com a presença de Graciela Francisco Pereira, Wanderleia dos Santos Rosa(quilombola kalunga) e da professora Lilian Fabiana Barbosa Souza. Além da roda de conversa, será elaborada uma carta-manifesto sobre as questões de diversidade étnico-racial no IFG.

Luziânia

No Câmpus Luziânia, dia! No dia 19 de novembro, o Núcleo de Estudos e Pesquisa em Gênero, Raça e suas Intersecções (Negr@Luz) realiza a roda de conversa “Tornar-se negra/o: debate e reflexões sobre consciência negra”. Será dia 19, às 20 horas.

O evento é aberto a toda a comunidade e será realizado pelo canal do YouTube do Câmpus Luziânia (www.youtube.com/c/ifgluziânia1).

Valparaíso

No Câmpus Valparaíso, a CPPIR local juntamente com o Neabi,vai realizar uma sequência de três encontros de atividades complementares com os estudantes do Câmpus. As palestras e rodas de conversas terão como tema o dia da Consciência Negra. O Neabi também lançou um concurso para a criação de sua identidade visual e durante esses encontros será divulgado o ganhador e uma mostra das propostas submetidas. As atividades acontecerão nos sábados dias 20 e 27 de novembro.


Diretoria de Comunicação Social/Reitoria.

Fim do conteúdo da página