Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial > Servidor > IFG > Últimas notícias > Você sabia que para fazer pesquisa envolvendo pessoas é preciso ter o projeto aprovado por um Comitê?
Início do conteúdo da página
Live IRAS

Você sabia que para fazer pesquisa envolvendo pessoas é preciso ter o projeto aprovado por um Comitê?

Bate-papo desta semana, quinta-feira, vai abordar a ética em pesquisa. Transmissão também será feita pelo Youtube

Live dessa semana do Projeto IRAS
Live dessa semana do Projeto IRAS

Para realizar uma pesquisa que envolve pessoas, uma das premissas básicas é a aprovação do projeto em um Comitê de Ética. Para abordar essa e outras questões que envolvem o tema, duas profissionais da área da saúde e do ensino vão realizar na próxima quinta-feira, 27, às 19 horas, um bate-papo sobre ética em pesquisa com seres humanos, a professora do Instituto Federal de Goiás (IFG) Patrícia Carvalho e a advogada Nycolle Araújo Soares. A mediação será feita pela professora do Instituto Thays Angélica. A live do Projeto IRAS (Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde), que ocorre quinzenalmente, passará a ser realizada em todas as quintas a partir desta semana.

Segundo a professora Patrícia, serão abordadas questões sobre o surgimento da Bioética em pesquisa, casos históricos da necessidade do respeito aos princípios éticos em pesquisa com seres humanos, “até mesmo em estudos em que não há intervenções ou aparente ´risco´ aos participantes”, afirma. No meio científico, é uma temática já pacificada entre os pesquisadores da área de ciências biológicas e da saúde, mas há profissionais que ainda desconhecem os preceitos que norteiam o assunto, diz a professora, que acrescenta ainda: “Além disso, discutir a importância da ética em pesquisa que sustentam resultados confiáveis”, finaliza.

A ética em pesquisa com seres humanos é um tema que norteia todo tipo de estudo científico que envolve pessoas, nas diversas áreas do conhecimento, e não apenas na saúde. Uma das condições para o início de uma investigação científica que envolva pessoas, é a submissão a um Comitê de Ética em Pesquisa da instituição em que o estudo será aplicado. A regulamentação está prevista na Resolução do Conselho Nacional de Saúde (CNS nº 466, de 12 de dezembro de 2012).

Para entender mais e dirimir as dúvidas, participe da live, que será realizada pelo google meet ( meet.google.com/vrp-fcey-uks), com transmissão simultânea pelo canal do Projeto IRAS no Youtube. Haverá certificação aos participantes, com inscrição somente no momento da live.

Saiba mais sobre o Comitê de Ética em Pesquisa do Instituto Federal de Goiás (assista ao vídeo).

 

Convidadas

Pós-graduada em Direito Civil e Processo Civil, Nycolle Araújo Soares também possui MBA em Direito Médico e Proteção Jurídica Aplicada à Saúde, é analista em Acreditação da Saúde e Gestão da Qualidade, pós-graduada em Ética e Compliance na Saúde pelo Albert Einstein, professora da Escola Superior da Advocacia da OAB/GO. Também atua como diretora Jurídica do Instituto Goiano de Direito Digital (IGDD) e coordena o Núcleo de Direito da Saúde do Instituto de Estudos Avançados em Direito (IEAD). 

A professora Patrícia Carvalho é enfermeira, doutora em Ciências da Saúde pela Universidade Federal de Goiás (UFG) e atualmente é professora do IFG - Câmpus Águas Lindas.

  

Assista às lives completas no canal do Youtube do Projeto IRAS: 

https://www.youtube.com/channel/UCS5jc_8Jdom_SSNu25djWfg?view_as=subscriber

 

Assessoria de Comunicação do Projeto IRAS IFG/Ministério da Saúde

 

Notícias (Servidor)

Comunicados (Servidor)

Fim do conteúdo da página