Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página

Programas para Alunos

Criado: Quinta, 17 de Março de 2016, 09h08 | Última atualização em Quinta, 04 de Maio de 2017, 10h01

 

Programa institucional de iniciação científica e tecnológica (PIICT)

O PIICT é voltado para os estudantes dos cursos técnicos e superiores do IFG. Destina-se a complementar o ensino, oferecendo aos alunos a oportunidade de descobrir como o conhecimento científico e tecnológico é construído. Esse objetivo é alcançado com a participação do estudante nas atividades teóricas e práticas no ambiente de pesquisa. Esta vivência possibilita ao estudante ver e entender o mundo sob o prisma da ciência.

Este Programa, que concede bolsas de Iniciação Científica e Tecnológica para estudantes do IFG, organiza-se em cinco categorias:

 

Bolsas de Iniciação Científica (Pibic): é destinado aos estudantes de cursos superiores.

Bolsas de Iniciação Científica nas Ações Afirmativas (Pibic-Af): é destinado aos estudantes de cursos superiores, que tenham ingressado na Instituição pelo sistema de cotas.

Bolsas de Iniciação Científica no Ensino Médio (Pibic-Em): é destinado aos estudantes de cursos técnicos de nível médio.

Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (Pibiti): é destinado aos estudantes de cursos superiores.

Programa Voluntário de Iniciação Científica (Pivic): é destinado aos estudantes voluntários de cursos técnicos e superiores.

  

Para ingressar no programa, o estudante deve realizar sua inscrição conforme editais publicados pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, que são publicados no início de cada ano.

 

 

Bolsas do CNPq

O IFG tem convênio firmado com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) em que recebe, duas vezes por ano, uma cota de bolsas dos programas Pibic, Pibiti, Pibic-AF e Pibic-EM, que são administradas pelo IFG, conforme regulamentação da Instituição e as normativas do CNPq. Estas bolsas, em conjunto com aquelas pagas com orçamento da Instituição, constituem o quantitativo de bolsas disponibilizadas anualmente nos editais da pró-reitoria.

 

De dois em dois anos, o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica, Tecnológica e Inovação (PIBICTI) é avaliado pelo CNPq de modo a definir o quantitativo de cota disponibilizada. A avaliação deste programa é realizada por um Comitê Externo, formado por pesquisadores do CNPq, que leva em conta o processo de seleção e distribuição das bolsas, a demanda de bolsas e a qualidade dos trabalhos apresentados no Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica (SICT).

Fim do conteúdo da página