Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Reconhecimento

IFG é selecionado pelo INEP por Relato de Boas Práticas do Censo da Educação Superior 2021

Procurador Institucional participou, em Brasília, do Encontro Nacional do Censo da Educação Superior

  • Publicado: Quarta, 23 de Novembro de 2022, 12h54
  • Última atualização em Sexta, 02 de Dezembro de 2022, 16h11
Procurador Educacional Institucional esteve presente no Encontro Nacional do Censo da Educação Superior
Procurador Educacional Institucional esteve presente no Encontro Nacional do Censo da Educação Superior

O IFG foi selecionado por seu Relato de Boas Práticas do Censo da Educação Superior 2021. A seleção foi realizada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e teve a finalidade de valorizar o trabalho dos envolvidos com a realização do Censo da Educação Superior, como os recenseadores institucionais, auxiliares institucionais e dirigentes das Instituições de Ensino Superior. Dentre as 275 instituições de ensino participantes, foram selecionados 15 relatos, dentre eles, o do IFG.

O Inep considerou entre os critérios de avaliação: inovação, criatividade, eficiência e eficácia da prática adotada, além da capacidade de permitir a replicação da experiência para outras instituições.

Segundo a Pró-reitora de Ensino, Maria Valeska Lopes Viana, “os relatos serão compilados em um único documento institucional, com registro ISBN, e será publicado no Portal do Inep”. Ela comenta, ainda, que o professor Daniel Canedo, Procurador Educacional Institucional, esteve presente no Encontro Nacional do Censo da Educação Superior, realizado no dia 22 de novembro, no INEP, em Brasília.

“A seleção deste relato de boas práticas é importante para a instituição pois vem a afirmar a metodologia de trabalho cooperativa entre as esferas administrativas, ensino, pesquisa e extensão do IFG. O planejamento de métodos e ferramentas para coleta das informações para o Censo da Educação Superior propicia uma melhor qualificação dos dados, servindo de insumos para a construção de políticas dentro do IFG”, afirma Daniel.

 

Diretoria de Comunicação Social/Reitoria

Fim do conteúdo da página